Como Criar Um Blog De Sucesso.


Um Ano Sem Lixo


O Instagram não foi montado pra ser uma plataforma de vendas, porém vários menores empreendedores encontraram o seu jeitinho de se noticiar com o cliente e realizar vendas a partir do aplicativo. Apesar de tudo, o Instagram é uma super vitrine com poder de engajamento dez vezes superior do que o respectivo Facebook.


Agora pensou poder visualizar uma roupa que você gostou no Instagram da tua marca ou blogueira favorita e neste instante clicar pra comprar? O Instagram está testando essa escolha com muitas marcas, no entanto sempre que isto não chega pra todos é possível tornar esse caminho bem mais ágil com várias dicas a escoltar.

  • Elaborar uma central de relacionamento com respostas para as dúvidas mais comuns
  • trinta e dois Convite WikiEncontro em Coimbra
  • 8 dicas de como montar um blog
  • Instalação simples num site imediatamente existente

Antes de vender qualquer coisa, você precisa se certificar de que está habilitado pra tal tarefa. Você tem como enviar o artefato para cada local do Brasil? Entende quanto vai cobrar pelo envio? Como vai ganhar os pagamentos? Depósito em conta ou intermediadores de pagamento? Em quanto tempo o objeto chegará pela residência do cliente? Como você vai atendê-lo?


Pelo inbox do Instagram, Whatsapp, e-mail? O comprador é exigente e se você não se preparar antes de pôr qualquer coisa para vender, pode arruinar seu negócio logo no começo. O Instagram é uma rede social de imagens. A imagem é o principal chamariz do teu artefato. Se em um e-commerce ela é mais neutra, no Instagram ela deve encher os olhos e atrair o comprador a partir de elementos visuais que valorizem o encantador. Ou melhor, é mais atraente alguém usando o teu produto em um local atraente, num dia de sol, do que apenas o objeto em um fundo branco. Existe um novo método do aplicativo que necessita ser usado e abusado: é a hipótese de postar uma série de imagens ou filmes em uma mesma publicação. O comprador aparecia olhar diversas imagens antes de obter alguma coisa, dessa maneira, além da imagem principal, poste imagens mais detalhadas do artefato assim como. Citando em detalhes, a especificação do seu post necessita deixar claro que aquele item está à venda. Diga o preço, os tamanhos e cores acessíveis.


Mencione se há alguma promoção, o código promocional e quanto tempo ela vai durar. A promoção também podes vir estampada pela própria imagem para chamar mais atenção. O único recinto onde você consegue botar um link clicável no Instagram é em sua bio. Não desperdice este espaço valioso. Não espere que as pessoas vejam a sua foto e busquem no Google o nome da tua loja ou aquele objeto para comprar. Por isso, a bio precisa conduzir o link do teu e-commerce (se você tiver um) ou do Facebook da sua marca, a título de exemplo. Ou seja, o hiperlink do lugar onde as pessoas vão encontrar mais sugestões da sua marca ou daquele artefato para finalmente realizar a compra. Um fantástico conselho é a todo o momento indicar nos seus postagens que existe um hiperlink clicável pela bio. Devido ao número crescente de pessoas e marcas que estão utilizando o Instagram e outras redes sociais pra venderem seus produtos, outras organizações construíram ferramentas próprias pra agilizar esse modo.


A LikeStore é uma plataforma brasileira que permite a construção de lojas dentro das mídias sociais, como o Instagram tendo como exemplo. 179 ao mês, que apresenta até integração com o teu e-commerce. A sua lojinha fica hospedada dentro do website deles e as transações são feitas por intermédio do Moip. A Like2Buy é uma plataforma paga que pesquisa uma possibilidade à ausência de hiperlinks clicáveis nas publicações do Instagram. Ela cria um feed similar ao do Instagram que possibilita linkar as fotos dos produtos à informações como preço e disponibilidade da peça. Desse jeito, ao curtir um objeto, é possível realizar a compra dele. Tenha em mente que o Instagram é uma poderosa ferramenta de construção de imagem e valores da sua marca. Dessa forma, não poste somente produtos, isso pode talvez cansar seus seguidores.


Poste imagens inspiradoras, referências ou até cenas do cotidiano da tua marca. Porém a toda a hora preze na característica das imagens! Definitivamente, quanto mais locais teu público tiver pra localizar e comprar teu artefato, melhor. Contudo é essencial tentar centralizar cada vez mais as vendas em um ponto principal. E pela internet nada melhor do que uma loja virtual própria. No momento em que você monta um e-commerce, você tem um espaço só teu, com o seu domínio, tua identidade visual, opções de pagamento, estoque e frete automatizados. Quer dizer, fica tudo de forma acelerada e simples e o freguês consegue realizar uma compra sem necessitar trocar uma única mensagem contigo.


Os botões aparecerão quando o usuário passar o mouse em cima da imagem. A maioria de aplicativos de compartilhamento nas redes sociais (como por exemplo, SumoMe ou GetSocial) oferecem a probabilidade de acrescentar os botões de compartilhamento de imagens bem como. Caso esteja pensando em utilizar o teu conteúdo denso para colher leads, tente juntar um formulário de inscrição sofisticado.


Visto que, para começar, os usuários confiam nos designs bem-feitos e profissionais. Segundo o estudo de confianca online do Dr. Brent Coker: “Os humanos são esteticamente orientados, somos psicologicamente programados a confiar em pessoas bonitas, e a mesma coisa pode ser mencionada sobre os sites. E mais um ponto: design lindo chama atenção.


Após fazer o scroll de um artigo extenso os usuários tendem a desconsiderar um formulário de inscrição brando. Um design atrativo chama atenção e tem mais chances de obter o email de seus leitores. Sim, concordo, todos odiamos spam. Porém ao mesmo tempo os usuários compartilham o mesmo sentimento de ódio de preenchimento de CAPTCHAs.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *